HOME > TEÍSMO/ATEÍSMO 

Respondendo ao desafio da Galinha
Prendendo a fuga dos céticos

Por: James Patrick Holding
Tradução: Emerson H. de Oliveira 


Humayun: O Líder Fracassado (1530-1556, mas deposto 1540-1555)

As estrelas pareciam sempre estar contra o pobre Humayun, que quase perdeu o império de Mughal antes de haver começado. Um homem inteligente com reputação para a indecisão e distração, Humayun foi subvertido em  1540 por Sher Kan, um sultão rival de Bengala. Derrotado, Humayun viveu em desterro na Pérsia e terminou seus anos como asceta, tentando entender o que deu errado no início. 

- de http://edweb.cnidr.org/india/humayun.html


Esta pode ser a sua primeira vez a ler esta página...se é, é bem-vindo. Você está a ponto de ver um de nossos maiores temas. 

Eu acredito que alguns de vocês que navegam pela Web também já ouviram falar dessa pessoa que mencionamos, ou pelo menos uma de suas chamadas encarnações, por isso nós pedimos um pouco de sua atenção aqui. Faz algum tempo quando este ministério era parte de outro chamado The Christian Apologetics Bookshelf quando nós recebemos a seguinte mensagem:  

Eu convido a qualquer bom apologista para entrar para uma lista chamada "MCAD" enviando-lhe um e-mail em branco para MCAD-subscribe@lists.kz e fazer uma só evidência para a Bíblia... 
Se você não quer, isto me convencerá que a Bíblia não pode ser defendida.
...e assinou, "Huyamunn Masoud".

Agora - eis o que escrevi a este companheiro: 

...Eu lhe convido a ir a este URL: 

(A estas alturas, eu dei o endereço onde o artigo estava.)

... .e refutar UM CAPÍTULO do que encontra ali escrito por mim, James Patrick Holding. Mande-me os resultados como arquivo texto ou como HTML. Se você tiver 20 % de sucesso eu entrarei em sua pequena lista de discussão e seguirei você como ninguém neste negócio. Me permita saber quando você vai enviar para nós podermos estudar o material.

Isso foi escrito há vários anos - e é desnecessário dizer que nosso amigo "balão de ar" ainda não respondeu, texto por texto. Mas eu coloquei este exemplo desse amigo em particular, para demonstrar uma classe de céticos em geral - e fazer um desafio. 

Primero, gostaria de notar a radical imaturidade que nosso amigo "fogoso" tem - e que eu satirizei em minha resposta. Ele mostrou sua opinião pré-concebida de que nossa ação (ou qualquer falta dela) teria que significar. Não que nós não tínhamos tempo ou poderíamos participar de uma lista de discussão; não era porque nós pudéssemos responder uma pergunta feita por um cético - mas era porque nós não podemos defender nossa fé. Jeane Dixon pagaria imensa quantia para ter tal habilidade de prever as coisas. 

De vez em quando tenho encurralado céticos desse jeito. Tipicamente, não há como sair de uma conversa com eles sem que eles entendem que isto é uma vitória para o lado deles. Você saiu porque você perdeu - não porque você percebeu que estava batendo em um cavalo morto. A situação é bastante parecida ao cavaleiro armado em Monte Python e o Cálice Sagrado que, tendo todos so seus membros cortados diz: "é só uma ferida!" Bem, nós não podemos dizer que eles não têm uma atitude positiva. Robert Schuller é um diletante comparado a esta raça de céticos com seus óculos cor-de-rosa.

E assim, já que o "fogoso" não respondeu meu desafio e tem preferido (ao que parece) ficar na relativa segurança de sua fechada lista, nós colocaremos o desafio aqui de novo e como bônus deixar isto aberto a todos - e isto expressa um grande tema da Tekton Apologetics Ministries. O desafio é simples: peque qualquer ensaio meu e refute-o. Avise-me quando vai responder. E se eu não achar nada, irei supor que ninguém pode responder o meu material. 

O relógio já está fazendo tic-tac. : -)

 

VOLTA